O artista português Julião Sarmento participa na exposição coletiva – “EXPANDED” com Marina Abramovic e Carsten Höller, a decorrer nos jardins da Fondazione Giorgio Cini, em Veneza, até ao dia 24 de novembro. Uma iniciativa em paralelo à 58.ª Exposição Internacional de Arte da Bienal de Veneza / Biennale Arte (La Biennale di Venezia).

A exposição integra três peças, elaboradas a partir de pedra portuguesa, com curadoria de Guta Moura Guedes. A pedra portuguesa assume uma figura de destaque, tendo os artistas viajado até Portugal, onde visitaram as pedreiras e o contexto em que é extraída a matéria-prima.

Julião Sarmento já expôs no Camões Berlim, no contexto da 10.ª Bienal de Berlim (2018), na exposição coletiva – “O Estado das Coisas”, com curadoria de João Silvério a partir da coleção da Fundação PLMJ.

10.05 – 24.11.2019
Fondazione Giorgio Cini Onlus
Isola di San Giorgio Maggiore,
30133 Veneza, Itália